• Youtube
  • Twitter
  • Facebook

santapromessa

 

As apresentações começaram dia 10 de Abril e se estenderão pelos próximos meses

Por trás do Ministério de Louvor Santa Promessa existe uma família de músicos cujo sobrenome é Poli. Vivendo entre São Paulo e Belo Horizonte, a família acabou se convertendo e formando um ministério que vem marcando a vida de muitas pessoas e, agora, dará origem a seu primeiro fruto: um CD composto de músicas inéditas e por algumas regravações. Por ironia do destino, o líder do ministério, o paulista José Luis Poli, 54 anos, foi o último a se converter em sua casa. “Me converti em 2000, após todos da minha família, pai, mãe, irmãs, esposa e filhas, terem se convertido.

Durante muito tempo, eu trazia minha esposa e filhas na porta da Igreja Batista Getsêmani e depois vinha buscá-las. Algumas vezes, atendendo a insistentes pedidos das minhas filhas e esposa, acabava entrando e ficando para assistir ao culto, mas sempre que isso acontecia, o momento dos dízimos e das ofertas me incomodava, pois eu não entendia o seu significado. No entanto, certo dia, a Palavra de Deus finalmente alcançou o meu coração de maneira intensa e definitiva”, conta José Luis.

A partir desse dia, o outrora cantor de bandas seculares, se viu no altar, aceitando a Jesus como o seu Senhor e Salvador, e se preparando para o Batismo. “Não resisti ao chamado, fui à frente e aceitei a Jesus. Quem me preparou para o Batismo foi a pastora Maria Geralda, e quem me batizou foi o pastor Elienos Lago. E, assim, junto ao início do novo milênio, começou também a caminhada cristã de José Luis, que, em 2003, retornou com a família para São Paulo, onde passou a congregar na Igreja do Evangelho Quadrangular. “Em São Paulo, iniciamos no ministério de louvor criando a banda Meninos do Mestre. Chegamos até a gravar um CD, fizemos muitas viagens para lançá-lo, inclusive, na própria Igreja Batista Getsêmani. Em 2010, após uma temporada em São Paulo, retornamos para Belo Horizonte e Deus nos deu a visão de criarmos o Ministério Santa Promessa”, explicou José Luis.

zepoli-textoEm entrevista exclusiva, José Luis Poli, que é casado há 32 anos com Ione Pelayo e pai de Thalita Poli (30) e Thabata Poli (27), fala do lançamento do primeiro CD do Santa Promessa, que é uma produção independente.

GetNews – Como nasceu o ministério Santa Promessa?
José Luis – Ao chegar em Belo Horizonte, em 2010, eu e minha família fomos muito bem recebidos e acolhidos na Igreja Batista Getsêmani. Rapidamente, fomos inseridos no discipulado de louvor, onde conhecemos alguns músicos e tivemos nossa primeira formação. Nessa época, a base da nossa banda era formada por mim, por minha esposa Ione (vocal) e por minhas filhas, Thabata (bateria) e Thalita (vocal). Depois que nossas filhas se casaram e retornaram para São Paulo, outros irmãos assumiram o lugar delas. Conforme comumente acontece com bandas em formação, outras pessoas fizeram parte dela, até que chegamos à atual formação. Somos uma grande família, um time, uma equipe que serve ao Senhor. Oramos juntos, estudamos juntos, brincamos, confraternizamos, nos preocupamos uns com os outros, enfim, temos comunhão. Além de ministrarmos várias vezes por mês na Sede da Igreja Batista Getsêmani, também cumprimos agendas em outras igrejas, congressos e eventos.

GetNews – Por que o nome Santa Promessa?
José Luis – Queríamos um nome forte, impactante, que fosse condizente com uma big band, e que, ao mesmo tempo, apresentasse um link forte com o nosso grande líder, Jesus Cristo. Vários nomes foram sugeridos, até que surgiu o “Santa Promessa”. Creio que esse nome promove nossa confiança em Jesus e na Sua promessa de voltar para levar a Sua Igreja para a Terra Prometida.

GetNews – Como foi a escolha das músicas para compor o CD?
José Luis – Tínhamos uma “cesta” de opções interessantes, porém, focamos em canções de agradecimento ao Senhor, declarando o nosso verdadeiro amor por Ele, a nossa confiança na Palavra d’Ele, que se renova a cada dia, bem como, o nosso amor pela graça, a nossa alegria em servir ao Rei dos reis e a nossa liberdade em poder louvar e engrandecer ao TodoPoderoso.

GetNews – Qual é o objetivo de vocês lançando esse primeiro CD?
José Luis – Nosso objetivo é que ele seja um precioso e eficiente instrumento de divulgação do Evangelho. Acreditamos que teremos a oportunidade de reunir muitos e muitos testemunhos de restauração, renovo, cura e libertação por meio das canções desse CD.

GetNews – Por que o Juliano Son foi convidado para uma participação especial no dia do lançamento?
José Luis – Queríamos ter no lançamento do nosso CD um nome que agregasse valor, não apenas musical, mas que apresentasse consistente conteúdo na obra de Deus. Também queríamos que fosse um cantor de fora, pois a ideia principal era motivar o intercâmbio entre pessoas e cristãos de outras igrejas, unindo o povo de Deus em um movimento interdenominacional. Daí surgiu o nome do Juliano, que aceitou de pronto nosso convite para somar esforços nesse lançamento.

—–
Atilano Muradas
Foto: Amós Rodrigues

CD “Santa Promessa”
Produção executiva: José Luis (Santa Promessa)
Arranjos: Marcos Roberto e Noé Matoso
Gravado, Mixado e Masterizado no Studio Mix
Vocal Coach: Dimmy Santos
Projeto Gráfico: Amós Rodrigues

Banda Santa Promessa
Vocalista: José Luis
Tecladista: Noé Matoso
Guitarrista: Vinícius Amaral
Contrabaixista: Lucas Dollinger
Percussionista: Marcelo Lopes
Baterista: Alessandro Fontes
Vocais: Ione Poli, Hermínia Amaral, Lau Matoso, Renata Santana e Léo Dollinger

Músicas e autores:
A Tua Palavra (Hermínia Amaral)
A Tua vontade (Thabata Poli)
Clamo (Thalita Poli)
Com alegria e amor (Banda Meninos do Mestre)
Confiança (Hermínia Amaral)
Eternamente grato (Hermínia Amaral)
Eu sou livre (Gamaliel de Souza)
Mensagem profética: Pr. Jorge Linhares

Contatos:
Site: www.santapromessa.com.br
E-mail: agenda@santapromessa.com.br
Facebook: facefook.com/santapromessa
Instagram: @santapromessa

 

TURNÊ de lançamento na Igreja Batista Getsêmani (IBG)

10/04 – IBG Templo Sede / cultos das 7:45, 10 horas e 20:30
12/04 – IBG Templo Sede / Culto da Vitória, às 19 horas
17/04 – IBG Missão Vitória, às 18 horas
23/04 – IBG Missão Vespasiano, às 19 horas
24/04 – IBG Missão Vespasiano, às 18 horas
30/04 – IBG Missão Pedro Leopoldo, às 19 horas
01/05 – IBG Missão Pedro Leopoldo, às 18 horas
07/05 – IBG Templo Sede / Culto Profético, às 19 horas
08/05 – IBG Missão Heliópolis, às 18 horas
14/05 – IBG Missão Santa Inês, às 19 horas
15/05 – IBG Missão Santa Inês, às 18 horas
26/05 – Sede Campestre / Congresso Motoget, às 20 horas
05/06 – IBG Missão Guarani, às 18 horas
11/06 – IBG Missão Fernão Dias, às 17 horas
12/06 – IBG Missão Fernão Dias, às 18 horas

Obs.: a partir da 2ª quinzena de junho, o ministério segue se apresentando em igrejas de São Paulo e do Rio de Janeiro.

Comentários

Nenhum Comentário

Comentário estão bloqueados.